sábado, 3 de outubro de 2009

E o que tiver de ser, será. Pode ser? Dá uma vontade enorme de me enfurnar em casa e não sair a menos que seja muito, muito necessário. Quando eu via minhas amigas ou colegas, ou qualquer mulher que fosse eu não torturava-a fazendo a celebre frase que todas nós que estamos nos quarenta e cinto minutos do segundo tempo escutamos: "Esse menino não nasce não?", e variações "Essa gravidez é de 10 meses?", o que chega a ser até mais grosseiro!

Raramente sou grosseira com alguém, até mesmo quando eu tenho todo o direito de ser. Mas tem me irritado a impaciência de todo e qualquer ser humano ao me ver. Eu sou a pessoa mais interessada em ver o rostinho do meu filho. Eu sou a pessoa mais interessada em ter meu pedacinho de céu nos meus braços.

Por isso, façam me o favor de ter paciência! E por gentileza, saibam que uma gravidez saudável dura em torno de 38 semanas. O que por sinal só faço no sábado que vem.

Então, minhas Titias, quinta tem médico, Dr. Marcello vai marcar a data e aí, é só correr pro abraço...