terça-feira, 14 de setembro de 2010

Theo começou a andar sozinho, aliás, ele agora corre sozinho. Até domingo arriscava três passinhos ainda inseguros, e estendia a mãozinha pra gente. Ontem cheguei em casa do trabalho, e quem veio correndo me receber na porta correndo? Meu rapaz de 10 meses! Como a Bibi disse, são muitos “quases” pra nosso coraçãozinho de mãe. rs
Bom, e mudando um pouco de assunto... Lá em casa estamos lidando com um problema sério. Eu e Theo ficamos durante a semana na casa dos meus pais e nos finais de semana, vamos pra casa do Papai dele. Lá na casa dos meus pais moram meu pai, minha mãe e o filho da minha irmã, o Elias Miguel, meu afilhado de 2 anos.
Ultimamente, o Elias Miguel tem judiado demais do Theo. Gente, minhas ‘carnes tremem’, meu sangue ferve. Ontem quando nós estávamos comemorando a nova fase do Theo, o Elias Miguel veio e puxou o Theo pelos cabelos. Deus, só de lembrar do grito que o Theo deu me dói o coração! Ele começou a chorar que se tremia e passava a mãozinha na cabeça, e eu como uma boa mãe de primeira viagem, chorei junto. Minha mãe repreendeu o Miguel, mas ele começou a rir e a bater nela também. Não é a primeira vez que isso acontece, mas é a primeira vez que eu vejo.
Alguém já lidou com algo parecido?
Estamos pensando em marcar um psicólogo pro Miguel, pois ultimamente ele anda muito agressivo com todos.


Ah, Lu... Tô mandando seu presentinho hoje, visse?



Amanhã vou fazer um post sobre o aniversário do Theo, meninas!





Beijos!!!