segunda-feira, 17 de agosto de 2009



Dois anos e meio de nós dois.

30 semanas de nós três. Mas parece que nossa história sempre foi assim. Completa. Completa como eu me sinto tendo dois homens na minha vida. Completa como eu me sinto todos os dias de manhã acordada com nosso filho fazendo festa dentro de mim e eu somente a esperar que o seu celular desperte porque eu sempre tenho mais vontade de ficar o máximo de tempo assim pertinho de vocês dois. A minha família. Os meus dois amores maiores do mundo. O meu pedacinho de céu, e o chão que eu tenho para me equilibrar. Não é mais possível comemorar essa data como a lembrança do dia que o ‘eu e você’ começou. Não porque seja egoísta, mas o que realmente parece é a próxima página do capítulo da nossa vida já era esperado, mesmo sem nós dois sabermos.
Querido, obrigada por ser o melhor companheiro, amigo, namorado, noivo, futuro marido, dono dos meus pensamentos e também do meu coração.
Pai, só eu sei como a mamãe se sente quando está ao seu lado. Obrigada por fazê-la sentir-se assim.


Nós te amamos!